Vinhos

Os Vinhos da Região de Lisboa, dentre os quais destacam-se Bucelas DOC, Arruda DOC e Alenquer DOC, para citar apenas três, estão entre os mais apreciados de Portugal.

Guia de Lisboa

Vinhos de Lisboa © Ilustração


Bucelas

Zona produtora de vinhos brancos de grande prestígio, "o príncipe dos vinhos brancos de Portugal", "o vinho de Shakespeare", Bucelas DOC está situada ao sul da Região de Lisboa. Esta foi a segunda área vinícola a ser demarcada, após o Douro. Os vinhos brancos de Bucelas são capazes de conservar as suas qualidades durante vários anos, sendo por esta razão levado nas viagens na época dos Descobrimentos. Ver mais: Vinhos de Bucelas.

Vinhos do Alenquer

Terceiro maior concelho (município) do Distrito de Lisboa, Alenquer (35 km a noroeste de Lisboa) é terra de vinhedos desde tempos ancestrais, sendo a produção de vinhos a base da sua economia. Quase um quarto da produção de vinhos da região é proveniente de Merceana, Labrugeira e Olhalvo.

Arruda

Os vinhedos de Arruda DOC estão situados no centro da Região de Lisboa, no concelho de Arruda dos Vinhos. As vinhas ocupam uma área de 2.120 ha nas encostas do município que tem vinho até no nome. Ver mais: Vinhos de Arruda dos Vinhos

Colares

Os vinhedos de Colares DOC, "uma das denominações mais originais e alternativas de Portugal" [1], ficam na região sul de Lisboa, e produzem poucos vinhos. Ver mais: Vinhos de Colares.

Encostas d'Aire

As vinhas ocupam a maior área cultivada da região norte de Lisboa, nas encostas da Serra de Aires, nos concelhos da Batalha, Porto de Mós e Ourém, onde estão situadas as Encostas d'Aire DOC. Além destes, incluem parte dos concelhos de Alcobaça, Caldas da Rainha, Leiria e Pombal. Além das castas locais, também são utilizadas as castas Chardonnay e Cabernet Sauvignon. Ver mais: Vinhos de Encostas d'Aire


Óbidos

Os vinhedos de Óbidos DOP estão situados no centro da Região de Lisboa, abrangendo parte dos concelhos de Bombarral, Cadaval, Caldas da Rainha e Óbidos, os quais produzem vinhos e vinhos espumantes.
"Rodeada pela sua muralha do séc. XIV, que preserva ainda a sua identidade medieval, Óbidos constitui o ex-libris duma região agrícola importante, onde a vinha ocupa desde sempre um lugar predominante" [1]. Ver continuação.

Arredores de Lisboa

Sugestões para descobrir a capital e seus arredores.